A itália conta com um menor número de mortes de mulheres por Covid em 24 horas, a partir de março, Apenas Boas Notícias

Passeio de gôndola em Veneza - Foto: AFPUm passeio de gôndola em Veneza (Foto: AFP

A itália registrou neste sábado, 27 anos, e o menor número de mortes diárias por Covid-19, a partir de março, segundo informou o Ministério da Saúde.

Também reduziu a quantidade de renda e de novos contágios, o que demonstra a diminuição da doença em solo italiano, após a abertura gradual que se iniciou no mês de maio.

Durante as primeiras 24 horas deste sábado, foram oito mortes pelo novo coronavírus (Sars-CoV-2), na Itália, uma das áreas mais afetadas do país, no Lácio, em três, no Piemonte, na Úmbria e no Local.

Muito diferente do que ocorreu em maio, quando o país chegou a registrar os dados de cerca de 300 mortes. Mas há outra boa notícia.

Caiu também o número de pessoas internadas em unidades de terapia intensiva, a menos de 100, pela primeira vez, chegando a 97 pacientes é de 43, na região da Lombardia, e os outros que se encontram no Inter e no Piemonte.

A queda dos novos contágios

Os novos contágios registrados no dia de sábado, foram 175, uma queda em comparação com os dados, que terá lugar sexta-feira, 26 anos, quando 259 foram tidas em conta.

De acordo com o Ministério da Saúde, foram registrados até agora em 240.136 dos infectados pelo Covid-19, no país de origem.

Já que a quantidade de mortos pela Covid-19, na Itália, chega a 34.716.

Do total de padres no país, é uma das 188.584.

Com informações da ANSABrasil

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *