Coreia do tributo para os profissionais de saúde, com um show de aviões não tripulados. O Vídeo, Só Boas Notícias

Foto: reprodução FacebookFoto: reprodução Facebook

O Ministério de Transporte e Infra-estrutura, china e Coreia do Sul, foi organizado um show de luzes com aviões não tripulados, para prestar homenagem aos heróis da linha de frente, para a epidemia dos coronavírus.

Foram 300 aviões não tripulados, sincronizados no céu da capital, a cidade de Seul, para incentivar a população a continuar a tomar precauções para se proteger contra a epidemia.

Apesar de ter sido elogiado pelo controle dos casos no país, com um novo surto de uma grande quantidade de novas infecções.

Para aumentar a demanda e a vigilância na atenção à poluição, o governo não forneceu os primeiros dias de julho, com um show de 10 minutos a pé, onde os robôs programados para faziam parte de uma série de imagens.

Uma delas tinha as mãos sob as gotas para lembrar de lavar as nossas previsões para as mãos de forma regular.

A foto mostrava duas pessoas pelo uso de máscaras em separado para poder praticar com a segurança e o isolamento social.

E, claro, o programa não estaria completo sem uma homenagem aos heróis da epidemia!

Os profissionais de saúde que utilizam os equipamentos de proteção que têm aparecido no céu, para prestar uma homenagem às pessoas que estão fazendo todo o possível para manter a suas comunidades de forma segura.

“Nós não vamos ser capazes de oferecer seu esforço e sacrifício, mas não podemos demonstrar nossa gratidão e fazer nossa parte para impedir a propagação dos!”, disse que um dos assistentes

Graças ao pessoal de saúde das pessoas que são importantes para mim, e podem ter certeza”, disse o outro.

“Eu acho que os corações sinceros que se unem para conseguir superá-lo!”, acrescentou, ainda, que mais de um espectador.

Foto: reprodução FacebookFoto: reprodução Facebook

Veja as imagens impressionantes da série de aviões não tripulados:

Com os dados Inspire More

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *