O Vendedor de sal de humildade, você ganha Us$ 97 mil em desenhos, Só Boas Notícias

Rafael e os salgados - Fotos: reprodução / FacebookRafael e o salgado – o que te parece? / Facebook

Esta semana, em que um pai de família, o que faz com que os salgados para sobreviver através da epidemia, que foi abatido por um cliente, e expressou sua tristeza, com os seguidores no Facebook.

O impacto foi tal, que o autônomo , Rafael Marte, de 32 anos de idade, ganhou uma vaca, que já arrecadou mais de us$ 97 milhões.

Pai de três filhos, Rafael, é o de Minas, que vive no Brasil, no estado de São Paulo, que trabalha como pintor da corte, mas sem o serviço, que começou a fazer o salgado, juntamente com sua esposa e seu filho, e o anunciou, através das redes sociais.

“Eu comecei há menos de uma semana de duração. Pagar o aluguel, e como estou sem serviço, que começou a dar-lhe as coisas”, disse o BHAZ.

A humildade

Na terceira, de 23 anos, é um cliente que não é aceito pelo atraso no pedido se fez Rafael a voltar para casa, para os 54 e salgados, que ele havia feito.

Rafael Marte não tem uma única mão, o que faz com que a produção de sal não é tão rápida como a da pessoa que pediu.

“O pedido foi feito às 9h desta terça-feira, e que tinha que ter entregue os salgados, às 11 da manhã. Eu não o consegui. Me pus a explicar-lhe a situação, disse que se entregaria a partir das 13, mas ele não quis me ouvir, e eu comecei a discutir muito. Eu lhe disse que não sou um profissional, o que ele queria me ajudar, mas é que eu era muito fraco”, desabafou.

Rafael, conta que chorava muito, e dispôs-se a fazer um post sobre o que aconteceu no Facebook.

“Pensei em parar, eu sou uma pessoa muito pequeno, como um grão de areia no mar. Chorei demais, fiquei muito triste. E não posso sair disso, eu tenho um problema no coração, assim que eu preciso de controle”, disse.

Para que não se perca o salgado, no mesmo dia em que saiu de sua casa e lhes fez a entrega aos moradores de rua do seu bairro.

“Eu sempre gosto de fazer o pão, o sal e a entrega às pessoas em situação de rua”.

Gatinho

A história de Rafael, tocou os corações de muita gente, que ofereceu o seu apoio nas redes sociais.

Depois da repercussão que teve, Rafael ganhou uma vaca no VoaA.

A meta dos Us$ 30 mil dólares, foi atingido em um par de horas, e esta sexta-feira, 26, o valor das contribuições, já que passou de us$ 97.

Com informações da BHAZ e VoaA

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *